Artista transforma matches do Tinder em modelos de ensaio fotográfico

Baseado em Berlin, George Downing é um fotógrafo que decidiu transformar seus encontros de aplicativo em projeto profissional. No decorrer de 2016, ele usou seus matches do Tinder como modelos para o ensaio ‘Hosting’.

A proposta do Tinder acaba sendo diferenciada de outros apps como o Grindr, por exemplo, que é voltado aos encontros sexuais. De alguma maneira, o Tinder seguiu outro rumo. Começou como algo que as pessoas consideravam superficial e hoje se tornou uma forma normal de se conhecer pessoas’, explicou o artista em entrevista ao site i-D.

A fim de explorar a amplitude de um encontro online, Downing utilizou o aplicativo normalmente e marcou cada primeiro date em um café, para poder explicar sua proposta pessoalmente a cada homem fotografado.

Com o aval dos pretendentes, o fotógrafo ia, então, as suas casas e os clicava em momentos de intimidade em suas próprias camas, confortavelmente nus.

Se rolou algo além das imagens, o artista não revela, mas garante que mantém contato amigável com todos os modelos.

Os cliques viraram exposição e um livro homônimo lançado em fevereiro pela editora australiana AEVOE.

O projeto enfatiza que cabe a cada usuário do aplicativo decidir o que fazer com essa experiência. O Tinder é apenas mais uma possibilidade para conhecer pessoas interessantes e você pode tirar proveito disso e fazer o que se sentir mais à vontade’.

Comentários

Comentários

Adele Grandis: Taurina com ascendente em touro - isso explica muita coisa!