Katy Perry fala sobre alienação em seu novo hit “Chained to the Rhythm”

screen_shot_2017-03-01_at_11.26.04_am

Muita gente acredita que Katy Perry seja apenas uma garota ingenua falando sobre seus sonhos adolescentes. Mas esse conceito parece equivocado ao lembrarmos que Katy foi uma das primeiras artistas dessa geração a falar sobre bissexualidade, de uma maneira descontraída e divertida em “I kissed the Girl”

Agora, em seu novo single “Chained to the Rhythm” (sintonizado no ritmo) Katy fala sobre a alienação em que o mundo vive. Na letra a cantora fala “Estamos loucos? / Vivendo nossas vidas através de uma lente / Presos em nossa cerca branca de madeira / Como ornamentos / Tão confortáveis, estamos vivendo em uma bolha, bolha /Tão confortáveis, não conseguimos enxergar o problema, problema”

Aqui você pode conferir o vídeo-letra:

No clipe da música que tem participação de Skip Marley essa mensagem é ainda mais reforçada, onde mostra um mundo futurista e ‘perfeito’. Katy Perry vem trilhando sua carreira em batidas pop, mas com mensagens que ela acredita. Como diria Nina Simone “Como você pode ser um artista e não refletir sobre os tempos atuais?”

Muitos críticos se questionam se a letra é uma auto-crítica, já que ela diz sobre uma alienação do belo, algo que sempre esteve presente em seus vídeos. E mais, alguns questionam se ela apenas não embarcou em uma onda de artistas politizados interessados em uma fatia de mercado. E você, o que acha?

Comentários

Comentários

Dudx é editor/fundador d'A Coisa Toda, assessor e produtor, artista visual, palhaçx e erê de buaty.