Novidades de beleza: makes veganos, makes genderless e uma trans embaixadora de beauté

Em uma semana rolaram tantas boas novas no que diz respeito à beauté que reunimos tudo em um único post. Confira:

make_kate_1
Em 2008, Kat Von D aceitou o convite da Sephora e desde então produz uma linha de maquiagens constantemente atualizada. À época, a tatuadora não era nem vegana e muito menos sóbria. Portanto, pouco se importava com a procedência dos ingredientes utilizados na produção dos itens.

Com o passar do tempo, porém, Kat se tornou uma pessoa consciente e que hoje preza muito pela qualidade dos produtos e saúde dos animais. Sendo assim, reformulou boa parte da confecção das maquiagens mais antigas para garantir que não sejam testadas em animais e nem realizadas utilizando ingredientes de origem animal.

Ainda assim, a cera de abelha e o carmine cochonilha seguem em alguns produtos. A primeira é comumente usada na confecção de gloss labiais, rímeis e loções. O segundo é um corante natural proveniente de insetos usado para batons, sombras, rímeis e lápis de coloração avermelhada.

make_kate_2

Em recente entrevista à revista vegana Laika, Kat anunciou o lançamento de uma linha de makes de inspiração egípcia e uma coleção de pinceis de maquiagem totalmente veganos. À publicação, a tatuadora revelou que está reformulando toda sua marca de make up para que não haja nenhuma relação animal entre os itens.

Além de não serem testados em animais e não conterem cera de abelha e nem carmine cochonilha, os produtos também serão livres de colágeno, gelatina, guanina, lanolina e óleo de tubarão.

Assim que a reformulação for realizada, a marca passará a ser a maior linha de maquiagens completamente vegan do mundo, passando à frente da 100% Pure e da Juice Beauty, que mesmo se considerando veganas, ainda utilizam mel e cera de abelha em suas produções.


 

make_brant_1

Pouco se fala sobre os Brant Brothers por aqui, mas Peter e Harry, de 22 e 19 anos, são extremamente conhecidos na gringa – especialmente em Nova Iorque, onde são conhecidos como os ‘Novos Príncipes da Cidade’.

E toda falação não é à toa. Ambos são filhos da supermodelo Stephanie Seymour e do bilionário, empresário de mídia e colecionador de arte Peter M. Brant. Membros da high society nova-iorquina desde o berço, hoje são promessa do mundinho fashion.

Há três anos, inclusive, foram convidados pela MAC para lançarem uma linha masculina de maquiagens. Aceitaram prontamente – especialmente o caçula, que sempre adorou makes e sofria bullying no colégio por comparecer às aulas de cara pintada.

Contudo, como quiseram cuidar de todo o processo de criação e começar a coleção do zero, passaram-se três anos até que a linha fosse finalmente finalizada. O resultado poderá ser conferido em terras brasileiras em agosto.

O target pode até ser masculino, mas os irmãos frisam que se trata de uma coleção genderless – composta por itens como um kajal dourado de efeito exótico (R$76), quatro cores dos batons de estilo lipstain (R$79) e o Pro Sculpting Cream Duo (R$149); o favorito do duo, que incentivou a criação de um pincel específico para uma aplicação mais precisa.


 

make_valentina_2

Aos 20 anos, Valentina Sampaio era uma estudante de moda que acabou virando modelo recentemente, por acaso, ao participar de um desfile da faculdade. Em março, estrelou uma campanha da L’Oreal Paris para o Dia das Mulheres.

No vídeo, declarava que aquele era a primeira vez que celebrava a data sendo ‘oficialmente’ mulher. Sim, a moça é trans e compartilhou com todos os espectadores a primeira foto de seu RG com a nova identidade.

Passados quatro meses, a marca acaba de anunciar a modelo como sua porta-voz. Ela é a primeira trans brasileira a representar a marca francesa, ao lado de nomes como Grazi Massafera, Isabeli Fontana e Juliana Paes.

make_valentina_1

Comentários

Comentários

Adele Grandis: Taurina com ascendente em touro - isso explica muita coisa!